04 agosto 2015

Não devo?

Teus olhos são como fogo
Que eu não posso tocar
Tua boca tem um gosto
Que eu não posso provar
Teu suave perfume me domina
É a vida sem rotina
Teu olhar é raro
E eu me sinto caro
Você não é minha
Mas pra mim é menina
Já não sei se posso
Pois o beijo nunca foi nosso
Já não sei se devo
Pois você já não vejo
Você é um pecado
E eu me sinto amargo
O feito é não pensar
O jeito é não amar

4 comentários:

  1. Nossa!!! ����amei... Bgd!!!..
    PS coloquei como anonimo. Mar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu é que agradeço, você sabe.
      Um beijo ;*

      Excluir
  2. Respostas
    1. Isso é fato! Ela é minha [nossa, porque acho que ela ainda vai te mandar alguns poemas dela pelos correios] poetisa particular! hahaha
      Ps. saudades de você, viu?
      Um beijo ;*

      Excluir